Pular para o conteúdo principal

(Resenha) Extraordinàrio de R. J Palacio




Extraordinàrio de R. J Palacio é um livro infanto-juvenil americano, que tem feito muitos leitores felizes.
A história é narrada em primeira pessoa, pelo próprio protagonista principal: Auggie de apenas dez anos de idade.
August é tão fofo e inteligente, que ao longo do livro, ele nos faz querer ser muito amigo dele. Eu amei esse livro. A capa, diagramação e tudo mais, publicado aqui no Brasil pela Editora Intrínseca. Ele já foi adaptado para as telas do cinema em filme. Se o livro é bom, imagine o filme.

Ele narra sua própria história de como nasceu com uma deficiência rara no rosto rara, e como enfrenta os preconceitos das pessoas que o olham com pavor e horror pra ele. Auggie fala como nasceu, e fala também de sua primeira vez na escola com outras crianças e os desafios que enfrenta ao longo de sua perfeita e emocionante narração.

O livro traz também a narração de sua família e os novos amigos que ele faz na escola, e suas aventuras como um garoto extraordinário.
Acredito que a apoteose da história do Auggie, é quando ele acredita que Jack Will é seu amigo, mas quando ouve comentários desagradáveis deste a seu respeito, auggie fica transtornado e então nós vemos que ele usa sua natureza para reclamar á sua mãe o porquê dele ter nascido assim tão feio, e sua mãe apenas lhe diz o quanto ele é uma criança extraordinária e que o ama muito.

Durante a leitura, nos deparamos com a narração de Jack Will, relatando sua vida, e a vontade de se tornar amigo do Auggie, e é quando Summer, amiga do auggie lhe dá uma pista sobre o garoto não falar mais com ele. Jack esbarra na lembrança de quanto foi mau falando daquela maneira grotesca do Auggir para os outros garotos da escola, e tenta se redimir com ele, e juntos acabam selando a amizade verdadeira que os uni como amigos, e agora, alvos dos garotos que detestam auggie por causa da sua aparência.
Um dos momentos mais emocionantes do livro é quando Daisy, a cadelinha de estimação do auggie morre, isso abala toda sua família.

A autora traz uma história com uma mensagem bastante reflexiva para os dia de hoje: A gentileza sobre a intolerância, e de como as pessoas podem errar e se redimir buscando um novo caminho em que acredita, sem desrespeitar os outros e colocando preceitos diários do bem em suas vidas. Auggie traz esse manifesto de pura gentileza no livro, e não é a toa, que acabamos nos apegando ao livro e ao seu extraordinário personagem.



" Sei que não sou um garoto de dez anos comum. Quer dizer, é claro que faço coisas comuns. Tomo sorvete. Ando de bicicleta. Jogo bola. Tenho um X-box. Essas coisas me fazem ser comum. Por dentro. Mas sei que as crianças comuns não fazem outras crianças comuns saírem correndo e gritando do parquinho. Sei que os outros não ficam encarando as crianças comuns aonde quer que elas vão.

Se eu encontrasse uma lâmpada mágica e pudesse fazer um desejo, pediria para ter um rosto comum, em que ninguém nunca prestasse atenção.
Pediria para poder andar na rua sem que as pessoas me vissem e depois fingissem olhar para o outro lado. Sabe o que eu acho? A única razão de eu não ser comum é que ninguém além de mim me enxerga dessa forma.(...) " ( Página 10,11)

"Mamãe havia feito um sanduíche de queijo para o meu almoço, com biscoitos cream-crackers e uma caixa de suco, por isso não precisei ir para a fila quando minha mesa foi chamada. Em vez disso, simplesmente  me concentrei em abrir a mochila, pegar o saco com o lanche e, bem devagar, abrir a embalagem de papel- alumínio do sanduíche.

Mesmo sem erguer os olhos, eu sabia que estava sendo observado. Sabia que as pessoas estavam cutucando umas às outras, espiando pelo canto do olho.
Pensei que já estivesse acostumado com esse tipo de coisa, mas talvez não.
Havia uma mesa cheia de garotas cochichando sobre mim - Sei disso porque elas tapavam a boca com a mão. Os olhos ficavam indo e voltando na minha direção.
Odeio meu jeito de comer. Sei que parece muito estranho. Passei por uma cirurgia para corrigir o lábio leporino quando era bebê e depois por outra quando tinha quatro anos, mas ainda tenho um buraco no céu da boca.

E, embora tenha passado por uma cirurgia  para alinhar o maxilar, há alguns anos, tenho que mastigar a comida na parte da frente da boca. Eu nunca tinha percebido como isso era estranho até que certa vez, em uma festa de aniversário, um dos garotos disse para a mãe do aniversariante  que não queria se sentar do meu lado porque eu fazia muita sujeira, deixava escapar farelos de comida da minha boca. Sei que o menino não fez por mal, mas ele se meteu em uma grande enrascada depois, porque a mãe dele ligou para a minha para pedir desculpas. Quando cheguei em casa depois da festa, fui até o espelho do banheiro e comecei a comer um biscoito para ver como ficava  quando estava mastigando. O garoto estava certo. Eu como feito uma tartaruga, se é que você já viu uma tartaruga comendo. Como um monstro do pântano pré-histórico." ( Página 42)




Autora: R. J. Palacio
Título: Extraordinário
Título Original: Wonder
Editora: Intrínseca
Gênero: Ficção Infanto-juvenil Americano
Número de páginas:204
Avaliação: Muito Bom
Fotos: Ig/martaluciana1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bilhões e Bilhões - Reflexões sobre a vida e a Morte na virada do Milênio, de Carl Sagan

Bilhões e bilhões foi o último livro escrito pelo Cosmológo e Cientista Carl Sagan (1936-1996), antes de falecer em 1996. O Cientista traz explicações e reflexões acerca de vários assuntos que inclui desde ciência, religião,  o cosmo, aborto, e fala sobre o aquecimento global e a destruição da camada de ozônio na terra, faz duras críticas aos conservadores e nos mostra soluções e caminhos para conservar e proteger o planeta Terra. 

Ele fala sobre o aborto e traz uma excelente explicação com ilustrações e com base científica acerca dos fetos e os movimentos Pró-escolha e Pró-vida, e faz novamente duras críticas a sociedade conservadora e suas vaidades, e enaltece o empoderamento feminino das mulheres na sociedade. E mostra alguns de seus artigos que foram escritos científicos para a revista Parade e faz uma reflexão esplêndida sobre o século XX e os principais acontecimentos que ocorreram na história da humanidade, desde o surgimento dos planetas, os feitos da humanidade e suas catástro…

(Resenha) Hannibal - A Origem do Mal

Em Hannibal - A Origem do Mal, o autor nos leva para conhecer o passado do canibal mais aterrorizante (e admirado também, é claro.) dessa saga de livros best sellers do Thomas Harris.
A história do Dr. Lecter se passa durante a segunda guerra mundial na região dos Balcãs, ainda garoto aos treze anos de idade. A família Lecter vive os horrores da guerra com a invasão do exército nazista nos Balcãs, seu pai, o conde Lecter resolve fugir com a família, mas infelizmente eles são mortos pelas rajadas de bombas que são lançadas pelos caças nazistas. O garoto Hannibal e sua pequena irmã Mischa, sobrevivem, e juntos vivem os horrores da guerra. Só que os dois são capturados por caçadores canibais, disfarçados de agentes da cruz vermelha, que vivem pelas redondezas saqueando as casas abandonadas e matando os fugitivos.


Famintos, por falta de alimentos, os captores cobiçam devorar a pequena mischa, e Hannibal tenta de todas as maneiras proteger a irmã, esforço em vão, eles matam-na a golpes de ma…

Resenha do Livro Como Eu Era Antes de Você ( Jojo Moyes )

Como eu era antes de você, escrito pela Inglesa jojo moyes é o tipo de livro que faz o leitor se emocionar, rir e também se chorar. Não me fez chorar,mas fiquei entristecida ao ler sobre o fim que o personagem,Will Traynor, deu à própria vida, me encantei por todos personagens que passam uma verdade absurda nos diálogos e nos acontecimentos em torno da estória. O livro é sensacional e faz com que o leitor se imagine em cada cenário descrito no livro. Eu amei.
Louisa Clark, é demitida do emprego pelo patrão Frank, que fecha o café onde trabalha, e Lou se vê  aflita por ter acontecido isso ,sendo que ela ajuda sua família em casa com as despesas do lar. Lou é jovem, alegre e tagarela, e acaba encontrando um trabalho de cuidadora de um jovem tetraplégico, Will Traynor Rico e muito mal humorado- que sofreu um acidente no qual a moto o atropelou e deixou ele tetraplègico. È contratada pela Mãe de Will,CamillaTraynor, para pôder convencer ele a desistir da eutanásia. Lou aceita o trabalho,e…